Archivo por meses: abril 2021

“Se percebe que a GH é uma empresa familiar pelo respeito que ela tem pelo produto que fabrica”

Andre Pupin é o novo Gerente de Vendas da GH Cranes Brasil. Aproveitando o aniversário de 20 anos da filial brasileira, conversamos com ele para conhece-lo melhor e saber mais acerca dos objetivos de seu departamento.

Você começou a trabalhar na GH há um pouco mais de dois meses. O que pensa para você nessa nova etapa profissional?
Há 28 anos trabalho na área comercial, sou apaixonado pelo meu trabalho e vender equipamentos para GH é um grande desafio para minha vida profissional. Estou muito contente com a oportunidade que me foi dada porque, o que sempre me moveu, foram os desafios.

Já conhecia a GH antes de começar a trabalhar conosco?
Sim, porque graças ao meu emprego anterior tinha um relacionamento com todos os grandes fabricantes de pontes rolantes, entre eles a GH, para quem vendia peças. Como fruto dessa relação comecei a conhecer mais a empresa, a qualidade de seus produtos,  e o potencial que tinha no mercado brasileiro.

Qual a sua opinião sobre a GH agora que nos conhece por dentro?
Se nota que a GH é uma empresa familiar, pelo respeito com que tratam as pessoas e pelo respeito com que tem pelo produto que fabricam. Como um filho de pai italiano sei como é importante que falem bem de você. As vezes, isso é mais importante que dinheiro. A GH tem essa mesma mentalidade e por isso cuida tanto dos detalhes, primando pela qualidade do produto acima de tudo.

O que mais te surpreendeu nesses primeiros meses de trabalho?
Sobre tudo, o quão agitado é o mercado de pontes rolantes. Todos os dias são muito movimentados e a verdade é que eu gostos disso. Sou uma pessoa muito inquieta que precisa movimento para me sentir bem comigo mesmo.  Por isso, meu trabalho aqui, está sendo muito gratificante e satisfatório.

Quais são os objetivos do seu departamento a curto prazo?
Nosso principal objetivo é que a GH seja cada vez mais conhecia, pois durante muitos anos não se foi uma empresa muito acessível. A mim mesmo, quando era fornecedor me custava contatar a GH. Entretanto, com a incorporação do Pablo García como Diretor houveram grandes mudanças, e acima de tudo em mentalidade, e a ideia é seguir nessa linha. Temos cliente muito importantes no Brasil como a General Electric, Hyundai ou Gamesa e isso tem que ser sabido. Somente dessa forma poderemos aproveitar todo nosso potencial.

Em quanto tempo você acredita que se vão notar essas mudanças?
Está sendo um ano complicado por conta da pandemia, mas estou bastante seguro de alcançaremos um aumento de vendas em 30%. E para 2022, nosso objetivo é dobrar as vendas de pontes rolantes e talhas elétricas.

Em 16 de abril a GH completa 20 anos no Brasil. O que significa este aniversario para a filia brasileira?
O fato da GH estar no Brasil há 20 anos, é um símbolo de profissionalismo que aporta confiança a todos nosso clientes e futuros clientes. Aqui, a idade de um empresa, é muito valorizada, já que existem muitas empresas com pouca idade com problemas de caixa que não são capazes de prover em tempo as entregas a seus clientes. Estes 20 anos demonstram, por outro lado, que somos uma empresa confiável que já caminhou passo a passo fixando muito seus alicerces. Graças a eles garantimos com precisão a entrega e um serviço completo.